‘Bad North’ tem um nome comicamente discreto e uma jogabilidade discreta de ‘bom gosto’ para combinar. Assim, ele consegue ser o mais interessante possível, mantendo-se extremamente simples. Movendo-se sempre para o leste, o jogador envia grupos de soldados nórdicos para ilhas para escapar de um tesouro invasor. À medida que avançam, as recompensas aumentarão o exército improvisado com reforços, equipamentos e atualizações de veteranos.

Veja também os melhores jogos para Android!

Esta é uma campanha curta com elementos “roguelike” e atinge um bom equilíbrio entre duração e progressão. O esquema de controle em tempo real com pausa é rápido, mas sem esforço, e a “replayability” é justa. Embora não seja inteiramente novo, o jogo é extremamente refinado e bem equilibrado. É um verdadeiro game com poder de permanência.

Como filosofia de estilo, o minimalismo significa o máximo de engajamento. Assim, nada se interpõe entre o indivíduo e a experiência pura. ‘Bad North’ é mínimo porque se apresenta o mais diretamente possível ao jogador, com pouca narração ou tema extra, gráficos e design legíveis simples. Mais do que tudo, o combate é fácil de navegar e entender. Ondas de invasores pousam nas margens e se movem para arrasar os prédios e seus habitantes.

Suas forças jogam na defesa, correndo de espaço em espaço para matar os invasores antes que isso aconteça. Cada ilha é gerada processualmente, com uma mistura única de terreno, composição inimiga e recompensas potenciais. Seu bando de soldados desorganizados será construído provisoriamente. Assim, “roguelikes” são sobre montagem e flexibilidade tanto quanto um game de estratégia “hardcore”.

Um game simples e com poucas dificuldades

Bad North: veja o review completo do jogo de celular! - Foto: PT MAS
Bad North: veja o review completo do jogo de celular! – Foto: PT MAS

Para apimentar as coisas, existem arqueiros, lanceiros e espadachins como classes de unidade e um punhado de habilidades ativas. Cada um tem seu lugar, tanto no calor da batalha quanto como parte de uma estratégia de campanha maior. Arqueiros se destacam no alcance, lanceiros possuem uma posição estacionária e espadachins são os “faz-tudo”. Os inimigos vêm em formas análogas, bem como alguns tipos de mini-chefes e escudos poderosos. O que você vê é o que você obtém. Nenhum número real ou estatísticas obscurecem o combate. Portanto, assistir a ação se tornar a principal fonte de informações e feedback é algo libertador.

Além disso, o jogo também escala de forma incrivelmente suave. Ele tem três configurações de dificuldade inicialmente, juntamente com uma configuração muito difícil e desbloqueável para os masoquistas. Por outro lado, o desafio das ilhas aumenta em um ritmo de ouro, lançando vantagens e bolas curvas com a mesma medida. Uma determinada ilha levará apenas alguns minutos para ser limpa, mas essas pedrinhas se transformam em uma montanha de campanha. Isso me deixa nostálgico pela era passada dos jogos em Flash bem feitos que você podia jogar na web.

Um jogo equilibrado e com bom ritmo

Bad North: veja o review completo do jogo de celular! - Foto: PT MAS
Bad North: veja o review completo do jogo de celular! – Foto: PT MAS

‘Bad North’ tem a mesma sensação de fluxo que ‘FTL’ ou ‘Binding of Isaac’, com o desejo irritante de apenas levar as coisas um pouco mais adiante. O alongamento das forças diminui quando o salto de ilha gera mais saques, porque os comandantes devem recarregar após uma luta. Uma vez que um quinto comandante se junta, ou um recebe um jarro deixando-o lutar a cada turno sem pausa, o jogador pode tentar agarrar ilhas menores em turnos secundários usando deliberadamente uma força de combate menor. A frota invasora só avança quando o jogador faz uma pausa para deixar suas tropas, recarregar e outros, para que você possa efetivamente se mover duas vezes com um pouco de sorte. Assim, basta dizer que existem casos extremos em que o jogador pode assumir riscos extras por um pequeno impulso.

90% do fator diversão deste jogo vem da atenção dada ao seu equilíbrio e ritmo. A jogabilidade é boa, mas, sejamos honestos, dificilmente inovadora. Todos esses elementos díspares se combinam para oferecer um jogo que é decentemente desafiador, mas parece alegre. Casual, até. Os modos difíceis significam apenas aumentar o calor; mudando a dificuldade através do grau e não pela introdução de novas mecânicas. Isso torna as margens aceitáveis ​​de desempenho mais estreitos, exigindo o mesmo conjunto de habilidades aumentado para onze. “Mais difícil” significa apenas utilizar uma técnica melhor, não encontrar soluções criativas.

Há alguns problemas

Bad North: veja o review completo do jogo de celular! – Foto: PT MAS

O jogo é direto para uma falha. O movimento e o terreno são fáceis de avaliar de relance e, se houver, são muito indulgentes. Ainda assim, a influência deles é sutil. O tempo de viagem e o caminho às vezes criam pontos de estrangulamento que os arqueiros podem explorar. Se as tropas estão muito perto de um grupo de desembarque, ficam atordoadas com o impacto do barco. O alcance dos arqueiros depende da elevação, então um poleiro alto significa poder de tiro unilateral. Casas maiores curam as tropas até a saúde completar. Esses pequenos floreios de mecânica são tudo o que o jogo tem a oferecer. Tudo isso é apenas para dizer que microgerenciar as unidades segundo a segundo é praticamente obrigatório além de um certo ponto.

Agora para o ponto de advertência. Este é um lançamento com muitos bugs, pelo menos pelos meus cálculos. Existem relatos bem comuns de travamentos não consertados e estados de falha que arruínam parte do caminho. Parece ser algo em que o sistema fica preso em uma geração de ilha específica e simplesmente não consegue carregá-la. Ah, e eu testemunhei algumas texturas quebradas. Como o bug mais comum geralmente torna o jogo injogável após um certo ponto, todos precisam esperar até corrigir esse erro. Terminei uma campanha em cerca de três horas, mas também tive que abandonar algumas.

Conclusão

Bad North: veja o review completo do jogo de celular! – Foto: PT MAS

‘Bad North’ é um jogo lindo e tranquilo. Estranhamente o suficiente para um jogo sobre o norte sombrio e inóspito, seria um jogo perfeito combinado com férias de lazer em algum lugar indolente e ensolarado.  As partidas são curtas e a campanha é apenas de média duração. Isso sobrecarrega os dedos mais do que a massa cinzenta, honestamente. Ele usa suas influências de forma inteligente e aprimora mais do que inova, mas ainda é uma experiência envolvente e pensativa. Infelizmente, o estado de lançamento com erros e a ligeira repetitividade de execuções adicionais significam que ‘Bad North’ foi para o sul. Portanto, visite-o novamente mais tarde e acredito que será excelente.

Baixe Bad North para iOS;
Baixe Bad North para Android.

Gostou? O que achou? Deixe seu comentário!